Respirar fundo

sem tipo,tumblr

As coisas nem sempre são o que parecem. Não faz mal. Antes as coisas que as pessoas.

Bem, mas as pessoas também não são o que aparentam ser. Não é que seja bom, nem mau. É que enganam. A si. Normalmente.

Vou respirar fundo! Agora sim.

Uns são do tipo calmos. Mentira. O calmante é que acalma.

Uns são do tipo ricos. Mentira. O cartão de crédito é que paga.

Uns são do tipo tristes. Mentira. A timidez é que manda.

Uns são do tipo bonitos. Mentira. O photoshop é que retoca.

Uns são do tipo coitados. Mentira. A sovina é que fala mais alto.

Eu sou do tipo eu.

Não sou calma. Nem tomo calmantes.

Não sou rica. E pago tudo com cartão de crédito.

Sou exageradamente alegre, como só os ridículos sabem ser. Rio de mim também.

E a timidez não quer nada comigo. Às vezes, a solidão espreita e eu convido-a a entrar. Começo a gostar dela.

Sou também triste, mas porque adoro um bom drama.

Não sou bonita, nem feia. Sou o espirito da hora que é quem faz a beleza se revelar ou se esconder feito caracol.

E não, não sou coitada porque não sei queixar-me e vivo com o que tenho, agradecendo.

Corro atrás do que não tenho e, no fim, dou sempre uma gargalhada porque ando de bem com a vida e não receio olhos gordos, nem maleitas, nem coisas verdes.

Eu sou do branco. Sou do azul. Sou da paz.

E depois, bom, bom é ter tempo para respirar fundo e seguir em frente. Sem tipos.

mh

 

*A imagem é do andamdizendo.tumblr.

Gostou? Que bom! Deixe um comentário. Até breve!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s