Tentar (sem medo de falhar)

Eu não costumo usar as palavras dos outros para me expressar mas por vezes há quem diga tão bem o que eu quero dizer que simplesmente partilho.

Diana Gaspar escreve muito bem e disse tudo o que eu diria sobre tentar …

O que os outros vão pensar se eu falhar?

Primeiro, eu não falho, eu apenas tento. Falhar ou acertar é só uma consequência.

Segundo, se tentei é porque é importante para mim, e se é importante para mim, vou continuar a tentar, e neste tentar, talvez falhe, ou talvez não.

Terceiro, os outros talvez gostassem de tentar como eu, mas talvez ainda não tenham percebido, que tal como eu, também eles não sabem o que vem depois do tentar, e o gozo de ter tido a coragem de o fazer.

Quarto, quando deixar de tentar vou deixar de viver, escolho o tentar, ao viver a morrer.

Quinto, ninguém melhor do que eu sabe a importância deste tentar, por isso, ninguém melhor do que eu, pode lucrar com este arriscar.

Sexto, o melhor do falhar, é saber que o caminho não é pelo sitio que pensava, ou que se calhar até é, tenho que apenas para isso, continuar a tentar.

Sétimo, se calhar, os outros não vão pensar nada. Eu é que acho que os outros vão pensar, porque penso muito sobre as falhas dos outros.

O melhor da hipótese de ter tentado, é mesmo a hipótese de conseguir um dia, de crescer, e de aprender, e que nesta vida ninguém sabe nada, mas todos tentamos, todos os dias, saber alguma coisa.

Diana

E assim vou procurando saber!

mh

Gostou? Que bom! Deixe um comentário. Até breve!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s